quinta-feira, 4 de agosto de 2011

Escola usa pintinhos como cobaias - Proteste


                                                                                                                                   03/08/2011
ESCOLA USA PINTINHOS 

Amigos dos animais,


Se você também não concorda, manifeste-se eviando um email para os endereços abaixo. Se preferir, use a carta modelo.
Gratidão pelos animais.
Nina


À
Escola Atuação
O senhor Ademar, mantenedor do estabelecimento de ensino, confirmou  que essa escola vem realizando experiência com animais vivos (pintinhos), no denominado projeto “Sou responsável pelo meu corpo e pela minha vida”.
A experiência consiste na entrega (que já aconteceu) de 150 pintinhos para alunos de 7 e 8 séries com intuito de mostrar a esses alunos como é cuidar de um bebê.
Os pintinhos permanecem com os alunos durante 2 semanas, sendo transportados diariamente de casa para escola e vice versa e, ao final da experiência, o aluno será avaliado em 3 diferentes matérias.
Soubemos que alguns pais de alunos, além de não concordarem com a experiência, alegam a impossibilidade de ficar com o pintinho em casa durante a experiência uma vez que já possuem outros animais como gatos e cachorros, que obviamente colocam sua vida em risco, e, não possuem local adequado para atender suas necessidades básicas como aquecimento, alimentação, local livre com terra para ciscarem e se espojarem como requer sua espécie.
No entanto, estão sendo explorados como cobaias nessa experiência, submetidos a estresse, em locais estranhos à sua natureza, dentro de apartamentos/ambientes fechados, sendo manipulados por crianças que, nessa experiência, aprendem a coisificá-los.
Propomos que, ao contrário, sejam ensinadas por meio do exemplo, a conhecerem e respeitarem a vida animal, experimentando assim o sentimento de ética e de compaixão.
Solicitamos a suspensão da utilização de animais nesse projeto, visando a defesa desses animais e a real educação das crianças, baseada em valores de uma cultura de paz e pedimos esclarecimentos sobre o destino desses animais.
 Aguardando retorno com relação às suas providências.



NOME
CIDADE
ESTADO

Instituto Nina Rosa - Projetos por amor à vida
Organização independente sem fins lucrativos

Campanha nacional permanente - “Fecha canil do CCZ - Tortura nunca mais” Eu aderi. (cole o slogan/link no email, blog, seja criativo)

5 comentários:

Maria Inês de Toledo Gualberto disse...

Qta ignorância da parte desse irresponsável que diz mantenedor do estabelecimento de ensino... que ensino é esse meu senhor ???? Ao menos o sr. poderia me dizer se já parou para pensar o sofrimento que esses pintinhos estão passando fora do seu habitat natural? O risco que eles são colocados diáriamente por causa de uma decisão imbecil, irresponsável de sua parte ? Acho que tanto o sr. como os pais dos alunos que tomam essa decisão e aceitam como normal, deveriam ser internados num Hospicio ou jogados numa cadeia por um bom tempo, para refletirem um pouco mais sobre o DIREITO Á VIDA COM DIGNIDADE , AMOR E CONSCIÊNCIA. Estou revoltada, acho que se ficasse frente á frente com esse inconsequente e iracional mantenedor, não responderia pelos meus atos... Vamos todos ajudar , fazendo a nossa parte, para que isso acabe de uma vez por todas, não só com relação á essa denúncia, mas á tantas outras que vemos com todos os ANIMAIS. façamos a nossa parte, pessoal... eu farei a minha, enviando um e-mail urgente para as pessoas acima citadas, dando o meu apoio para acabar com esse tipo de crueldade.

Susana Couto disse...

Que abuso, nao tem este direito a escola é um local para se apoiar a compaixão para com os seres vivos respeita-los, como a si proprio incrivel como uma pessoa pode ser capaz de causar tal banalidade.
Espero que a escola da vida o mostre o tamanho da mostruosidade que o mesmo esta perpetuando com tanta crueldade.

izolina.ribeiro@yahoo.com.br disse...

Gostaria de pedir aos que estão inconformados com essa noticia que leiam, conheçam e apoiem o PL 477/10. Este PL está sofrendo uma forte pressão dos que vivem de fazer espetáculos com bichos, e que ganham a vida usando-os em apresentação de eventos de lançamento de prédios, e de grandes petshops que vivem da venda de silvestres, dos que fornecem pintinhos e peixinhos para serem dados como "lembracinhas vivas" e dos próprios petshops que querem continuar a lucrar com a venda de animais sem levar em conta o bem estar e o cumprimento das leis de proteção animal na cidade de SP. Inclusive o SINDILOJAS está promovendo uma campanha em que afirma que o PL será prejudicial para o segmento.

VEJAM:
http://www.robertotripoli.com.br/site/index.php?option=com_content&view=section&layout=blog&id=1&Itemid=37

Apoiem o PL 477/10. Com a sua aprovação teremos uma lei para poder coibir esse tipo de atitude da escola em questão.

Postem seus comentários de apoio ao PL 477/10 entrando neste link.

http://www.robertotripoli.com.br/site/index.php?option=com_content&view=article&id=218:animais-nao-sao-brindes-diversao-e-nem-brinquedos-apoie-o-pl-47710-que-proibe-essas-praticas&catid=1:animais-noticias&Itemid=37

Giovanna Dal santo disse...

Sou aluna do atuação e discordo totalmente com isso. Realmente só quem convive e faz essa experiência sabe como é. Os pintinhos são muito bem cuidados, recebemos comida do colégio, e recebemos toda uma orientação de como cuidar dele. Um dos melhores projetos que eu já tive, e vejo que todos os alunos tem um carinho enorme por todos os pintinhos,sendo que muitos choram para devolver. E quando devolvemos, ficam num lugar muito melhor, nossa estação ecológica. Realmente, desnecessário isso, só quem passou pela experiencia sabe, muitos pais podem não concordar, mas eu tenho certeza que todos os alunos gostam, porque é ter um amigo com você,e NUNCA nenhum pintinho passou por mal trato. Então é isso, procurem saber antes como funciona tudo, como que a gente é orientado, antes de falar uma coisa. BJS RECALKE

Manoel Souza disse...

á aluna Giovana:

Tambem estudei nesta escola maravilhosa, faço jus a suas palavras, adoro esta escola e tenho certeza que isso que é relatado neste post é uma farsa totalmente. Gostaria de obter contatos de quem ja estudou na escola em 1997 abraços.