sábado, 1 de janeiro de 2011

UFMG - Veterinários assassinam 15 cães para estudar artrose

Barbárie - Crueldade - Incompetência - Assassinato -

Veterinários da UFMG - Universidade Federal de Minas Gerais - Assassinaram 15 cães  saudáveis, com requintes de crueldade, para estudar artrose.





MATERIAL E MÉTODOS
Foram utilizados 15 cães, sem raça definida, de ambos os sexos, de peso entre 18 e 25kg, provenientes do Canil de Zoonoses da Prefeitura de Belo Horizonte, MG. Os animais que se apresentaram saudáveis aos exames clínico e laboratoriais (hemograma, pesquisa de hemoparasitas e leishmaniose), e com articulações do joelho radiograficamente normais foram encaminhados para canis individuais do tipo solário, onde permaneceram e receberam ração comercial1 em quantidade sugerida pelo fabricante, durante todo o período de observação. Os animais foram submetidos à artroscopia do joelho esquerdo no qual se procedeu à primeira avaliação da cartilagem articular, seguida de desestabilização da articulação por meio da secção do ligamento cruzado cranial (LCCr), de acordo com o método de Pond eNuki (1973).
A instabilidade articular foi mantida por três semanas e, após este período, procedeu-se a novo exame artroscópico seguido de artrotomia e substituição do LCCr pela técnica intra-articular com utilização da fáscia lata segundo Schwalder (1989).
Após a substituição do ligamento, os animais foram divididos em três grupos de cinco (GI, GII e GIII). O grupo I recebeu somente tratamento cirúrgico e constituiu o controle. O grupo II recebeu 24mg/animal de sulfato de condroitina2, por via IM, de cinco em cinco dias, totalizando seis aplicações. O grupo III foi tratado com hialuronato de sódio3 na dose de 20mg/animal, por via IV, de cinco em cinco dias, num total de três aplicações. Os protocolos de tratamento seguiram as indicações dos fabricantes. Os animais foram mantidos em canis solários individuais e observados por 90 dias.
Ao final desse período, os animais foram sacrificados com sobredose de tiopental sódico, submetidos a exame pós-morte e à colheita de material para exame histopatológico.



Arquivo Brasileiro de Medicina Veterinária e Zootecnia

Print version ISSN 0102-0935

Arq. Bras. Med. Vet. Zootec. vol.60 no.1 Belo Horizonte Feb. 2008

doi: 10.1590/S0102-09352008000100013 

MEDICINA VETERINÁRIA

Sulfato de condroitina e hialuronato de sódio no tratamento da doença articular degenerativa em cães. Estudo histológico da cartilagem articular e membrana sinovial.


E.G. Melo; V.A. Nunes; C.M.F. Rezende; M.G. Gomes; C. Malm; V.A. Gheller
Escola de Veterinária - UFMG – Caixa Postal 567 – 30123-970 – Belo Horizonte, MG


Contato UFMG - http://www.ufmg.br/contato/index.shtml

Veja postagem relacionada  - 


José Franson - Hasta quando, Dios mio...



A barbárie descrita aconteceu em 2007. Quantos outros experimentos com animais continuam neste momento...  em Minas Gerais e no Brasil todo. Se você se indignou, saiba que neste momento, milhares de animais, que sentem dor como nós, estão sendo torturados e cruelmente dissecados ainda vivos,friamente assassinados, em nome do ensino de técnicas pedagógicas, e para experimentos de todo tipo, em praticamente todas as faculdades de medicina e veterinária do Brasil e do mundo. Divulgue, se puder faça algo.

ET - Leia neste blog a postagem sobre o fim das experiências com animais em todas as faculdades do Canadá.
http://amigosdosanimaisdetatui.blogspot.com/2010/11/canada-declara-se-livre-da.html


11 comentários:

Anônimo disse...

MALDITOS!!! CRIMINOSOS!!! ASSASSINOS!!! SERÁ QUE NESTE PAÍS ESSES ASSASSINOS TRASVESTIDOS DE MÉDICOS VETERINÁRIOS VÃO FICAR IMPUNES??? ANIMAIS NÃO SÃO "COISA OU PRODUTOS"!!! PRECISA URGENTE SER CRIADA LEI QUE LIBERTE E OFICIALIZE COM EFICÁCIA OS DIREITOS DOS ANIMAIS, PARA QUE ESSA "GENTE" DESUMANA, SEM UM PINGO DE SENSIBILIDADE, FRIAS E CALCULISTAS, PAGUEM PELOS CRIMES COMETIDOS!!! CADEIA NELES!!!OS ANIMAIS (NOSSOS IRMÃOS), EXISTEM POR SUA PRÓPRIA EXISTÊNCIA, ASSIM COMO OS HUMANOS, E SE VEM AO MUNDO TEM QUE TER DIREITO À VIDA E Á LIBERDADE! POR SEREM SERES SENCIENTES QUE NEM OS HUMANOS, COM CAPACIDADE PARA SENTIREM DOR, MEDO, SOFRIMENTO, ALEGRIA, FRIO, CALOR, FOME, ESTRESSE, SAUDADE, COMO TAMBÉM INTELIGÊNCIA, DIVIDEM ASSIM CONOSCO O PRIVILÉGIO DE TER UMA ALMA!!! OS DIREITOS À VIDA, À LIBERDADE E CUIDADOS TEM QUE SER O MESMO. NÓS HUMANOS POSSUÍMOS A CAPACIDADE DO RACIOCÍCIO, É NOSSA OBRIGAÇÃO CUIDAR, ZELAR E ACIMA DE TUDO RESPEITAR TODAS AS ESPÉCIES VIVAS DO NOSSO ESTÁBULO, A NOSSA CASA, O PLANETA TERRA! PORTANTO, POR SEREM OS ANIMAIS, INOCENTES E INDEFESOS E NÃO POSSUÍREM A CAPACIDADE DE RACIOCÍCIO, OS CRIMES CONTRA ELES É UMA GIGANTESCA E LARGA CRUELDADE, COVARDIA, IGNORÂNCIA E ATRASO NA EVOLUÇÃO HUMANA DEVENDO, OS CRIMES CONTRA ESSES SERES INOCENTES QUE NÃO SABEM FALAR POR SI, SER PUNIDOS DA MESMA FORMA QUE OS CRIMES PRATICADOS CONTRA OS HUMANOS.LIBERTAÇÃO E DIREITO ANIMAL JÁ!!! PUNIÇÃO A ESSES TRASVESTIDOS E MALDITOS MÉDICOS VETERINÁRIOS ASSASSINOS, PUNIÇÃO IMPLORAMOS! CHEGA DE TANTO IMPUNIDADE!!! EM NOSSO MUNDO GLOBALIZADO NÃO HÁ MAIS ESPAÇO PARA ESSAS CRUELDADES! A SOCIEDADE DA NOSSA ERA CLAMA POR PAZ, HARMONIA, AMOR, E RESPEITO A TODAS AS FORMAS DE VIDA EXISTENTES!PAZ, JUSTIÇA E AMOR!!!

Mônica disse...

Estou revoltada! A dor no coração me impede de expressar em palavras o que estou sentindo!

regina disse...

E MUITO DIFICIL FALAR O QUE ESTES BARBAROS ESTAO FAZENDO COM ESTES ANIMAIS.O ODIO E MUITO GRANDE, GOSTARIA DE SEBER SE ELES MATARIAM PESSOAS DE SUAS FAMILIA PARA SALVAR OUTRAS VIDAS????????????

Jose Lima disse...

Não sei o que dizer. Fico seriamente chateado com uma coisa dessas. Como é que pode alguém que estudou para ajudar os animais, praticar tal ato atroz. Esse tipo de pessoas deveriam ser processadas e presas.

Anônimo disse...

É muito triste, Essas aí são pessoas sem coração !

CRISTAL disse...

Eu estava acompanhando essas histórias e inúmeras outras da UFMG, e o Ministério Público tem uma ação contra eles. Alguem sabe me dizer se algo foi feito?
abraços.

Gabi disse...

MALDITA RAÇA HUMANA

Eliane Plotz disse...

Vergonha para a UFMG!!!

Anônimo disse...

Malditos!!!! É terrível saber que existem monstros como estes!!! A minha esperança é que eu creio em "Justiça Divina" e um crime nunca vai deixar de ser punido!!! Acredito nisso mais que tudo.E espero que sejam tomadas medidas contra isso antes que outros sigam o péssimo exemplo dessa gente Ruím. Se é que podem ser chamados de Gente!!!!

Anônimo disse...

Vergonha eu sinto de vocês, eu sou médico veterinário e estudo na ufmg, e vejo todos os dias um monte de ditos "defensores da natureza e dos animais" gastando mais de 5.000,00 em cirurgias e tratamentos com cachorrinhos mimados, e passando do lado de favelas e crianças abandonadas e não darem a mínima. Isso é ser humano?

"OS ANIMAIS (NOSSOS IRMÃOS), EXISTEM POR SUA PRÓPRIA EXISTÊNCIA", isso aí pode até estar certo, mas os cachorros não fazem parte disto, porque nós os criamos, e eles estão cada dia mais doentes e a culpa é nossa, e isso tudo pra que?
Só pra satisfazer nossas vontades e anseios, não sei o que leva a uma pessoa achar que cachorros são iguais ou melhores que as pessoas. Fazem aniversários e até casamentos de bichos, gastando fortunas. Porque não ter um filho? Porque filhos crescem e passa a época em que se pode vesti-los e fazer todo tipo de coisas ridículas com eles.

José Franson disse...

Prezado anônimo,
Por favor, nunca pratique a veterinária, encontre outro trabalho que fique longe dos animais. Grato.